Exibindo posts relacionados a: backup

A importância da estratégia 3-2-1 para backup
No mundo digital, onde a dependência de dados é onipresente, garantir a segurança e disponibilidade dessas informações torna-se uma prioridade crítica. Uma estratégia de backup eficaz é essencial para proteger contra perdas de dados decorrentes de falhas de hardware, desastres naturais ou ataques cibernéticos. A estratégia do 3-2-1 para backup surge como uma abordagem robusta e confiável para enfrentar esses desafios, oferecendo uma camada adicional de proteção e recuperação.

O que é a estratégia 3-2-1 para Backup?

 A estratégia 3-2-1 para backup é um conceito simples, mas poderoso, composto por três princípios fundamentais:

Três cópias dos dados

Mantenha três instâncias separadas dos dados cruciais. Isso inclui a cópia original e duas cópias de backup. Ter múltiplas cópias reduz a vulnerabilidade a perdas de dados.

Dois tipos diferentes de mídia

Armazene as cópias em pelo menos dois tipos distintos de mídia. Isso assegura a diversificação do risco, protegendo contra falhas em um formato específico ou tecnologia. Por exemplo, utilize discos rígidos externos e unidades de fita.

Uma cópia fora do local (off-site)

Mantenha uma cópia dos dados em um local remoto. Isso protege contra eventos catastróficos, como incêndios, inundações ou roubos. O armazenamento em nuvem é uma opção popular para implementar essa parte da estratégia.

Benefícios da estratégia 3-2-1

1. Resiliência a falhas tecnológicas

Ao ter cópias em diferentes tipos de mídia, você reduz o risco associado a falhas específicas de hardware ou formato. Se uma cópia se tornar inacessível, as outras permanecem como uma salvaguarda.

2. Proteção contra desastres naturais

Manter uma cópia fora do local protege contra desastres físicos. Se o local principal for afetado por incêndio, inundação ou outro desastre, a cópia off-site permanece intacta e pronta para recuperação.

3. Defesa contra ataques cibernéticos

Em um cenário de aumento de ameaças cibernéticas, ter cópias isoladas fora do alcance de ataques maliciosos é crucial. Os ransomwares, por exemplo, têm menos impacto quando há cópias de backup inacessíveis ao invasor.

Implementação prática do Backup 

Seleção de mídias adequadas

Escolha cuidadosamente os meios de armazenamento, levando em consideração confiabilidade, capacidade e custo. Discos rígidos externos, unidades de fita, serviços de armazenamento em nuvem e dispositivos de armazenamento externos são opções a considerar. 

Automatização e regularidade

Configure sistemas de backup automatizados para garantir que as cópias estejam sempre atualizadas. A regularidade é vital para refletir as mudanças nos dados e minimizar a possibilidade de perda de informações importantes.

Testes de recuperação

Periodicamente, teste a recuperação dos dados para garantir que as cópias de backup sejam efetivamente utilizadas em situações de emergência. A eficácia do plano de recuperação é tão crucial quanto a criação adequada das cópias de backup.
Em um mundo onde a informação é um ativo valioso, a estratégia 3-2-1 para backup oferece uma abordagem confiável para garantir a integridade e disponibilidade dos dados. 
Ao seguir esses princípios simples, é possível construir um sistema de backup robusto que protege contra uma variedade de ameaças. 
Priorizar a implementação efetiva da estratégia 3-2-1 é um investimento na continuidade dos negócios e na segurança dos dados no longo prazo.
Se interessou no assunto? Temos um especialista que pode falar sobre isso com você. 
Se achar melhor, solicite gratuitamente uma rápida explicação através do nosso WhatsApp. 
 

Sobre o autor
Sanzio Almeida é CIO da Wiser Tecnologia. Possui mais de 15 anos de experiência na área da tecnologia, atuando com Infraestrutura , Service-Desk , Telecomunicações, Segurança da Informação, Desenvolvimento de Software e Processamento de dados, gerenciamento equipes de alto nível técnico e de liderança.
Por: Sanzio Almeida VER MAIS
Backup Imutável: Uma forma de combate ao Ransomware 

O backup imutável é uma opção bastante relevante quando o assunto está voltado às práticas utilizadas para a segurança de dados das empresas. Constantemente, ataques cibernéticos acompanham as inovações tecnológicas e aprimoram as formas de acesso para conseguir invadir sistemas de forma indevida e criptografá-los.   

Em meio a isso, a implementação de técnicas sofisticadas para a proteção de dados são necessárias para que as organizações possam proporcionar mais segurança e privacidade aos dados sensíveis da empresa. O Backup Imutável é uma das formas mais poderosas que podem proteger dados organizacionais dos cibercriminosos. 

Imutabilidade de dados é um termo que vem se tornando cada vez mais conhecido entre os gestores. Essa é uma estratégia que oferece alto nível de proteção para as empresas, já que não permite que pessoas não autorizadas acessem dados empresariais.

Tá, mas o que isso quer dizer ? 

A palavra imutável corresponde ao que é permanente e constante. Logo, dados imutáveis acabam sendo informações, disponibilizadas em backups e bancos de dados, que não podem e não devem ser excluídas ou modificadas por qualquer pessoa.
Atualmente, o volume de transações que precisam ser realizadas é alto e as organizações precisam de agilidade no armazenamento. Técnicas de alta confiabilidade são extremamente necessárias para que a segurança e a disponibilidade estejam asseguradas pela gestão. 
Backups imutáveis conseguem promover a solução de problemas relacionados aos logs de transações de alta velocidade, evitando a perda de dados importantes, como os dados históricos. Esses são extremamente importantes para as empresas atuais, devido às regulamentações estabelecidas pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). 
Esse tipo de backup proporciona a máxima eficiência em relação à segurança da informação, possibilitando que os dados fiquem livres de ataques cibernéticos, como o Ransomware, um dos ataques virtuais mais comuns nas empresas atualmente.  

Backup imutável contra Ransomware 

Ransomware é um tipo de malware de sequestro de dados que criptografa e bloqueia dados organizacionais que estejam armazenados em algum dispositivo. Com isso, ele pode bloquear tudo aquilo que esteja no diretório em questão. Para restabelecer o acesso ao usuário, os criminosos solicitam o pagamento via bitcoins. 
Além de realizar a primeira infecção, esse malware ainda pode buscar outros dispositivos conectados ao que foi infectado com o objetivo de atacá-los da mesma forma. Existem dois tipos ransomware, o Locker e o Crypto: 
Locker: Impede acesso ao dispositivo infectado. 
Crypto: Por meio da criptografia, impede acesso aos dados armazenados no dispositivo infectado.
A infecção por esses trojans ocorre por meio de diversos meios, como links maliciosos em e-mails e em vulnerabilidades de sistemas que estejam desatualizados e sem a segurança cibernética apropriada.
Esse vírus representa um grande risco para todas as organizações, sejam elas públicas ou privadas, de pequeno, médio ou grande porte. De acordo com os resultados da pesquisa Cyber Resilient Organization Study 2021, cerca de 60% das empresas brasileiras sofreram ao menos um ataque desse vírus.
O Ransomware é extremamente prejudicial para todas as áreas, podendo afetar toda a saúde organizacional, interferindo, por exemplo, na qualidade e no andamento de processos. Os ataques desse tipo de malware colocam em cheque a reputação da empresa perante a forma em que ela trata a segurança de suas informações e, claro, de seus clientes. 
Há um alto risco da perda permanente de dados, já que mesmo que o pagamento seja efetuado ao criminoso, não há a garantia de que o acesso aos dados ou sistema seja restabelecido. 

Como o backup imutável atua? 

O backup imutável proporciona o nível mais alto de segurança para as suas informações, que ficam permanentes e não podem ser excluídas ou criptografadas. Essa permanência impossibilita qualquer acesso não supervisionado aos seus dados e arquivos. 
Somente funcionários internos ou terceirizados e devidamente autorizados podem apagar ou sobrescrever as informações. Por meio disso, ransomwares não conseguem acessar sistemas e diretórios, já que se tornam imunes a qualquer tipo de ataque deste vírus. 
Por meio da imutabilidade, dados históricos também ficam protegidos, mantendo a organização resguardada de acordo com as regras da LGPD e permanecerão no estado inalterado até o fim do período de imutabilidade. Dados armazenados em backups do tipo ficam livres de vírus, possuem alta qualidade, não correm o risco de serem corrompidos, continuando “puros” desde o dia em que foram migrados.

Como implementar o backup imutável na empresa? 

O backup imutável pode ser armazenado em disco ou fita local, no entanto o ideal é utilizar um sistema de armazenamento hospedado na nuvem. É recomendado, ainda, ter uma cópia secundária dos seus dados em um offsite, ou seja fora do ambiente de origem. 

Dessa forma, a organização terá uma cópia de dados protegida contra atividades maliciosas de agentes internos, ativando e configurando todas ferramentas e políticas de autenticação.
Mas é claro que você não é obrigado a saber disso tudo e de outras técnicas ligadas a esse serviço. É importante que pesquisas sejam realizadas visando buscar empresas que trabalham com backups imutáveis com o auxílio de profissionais especializados e com o know-how técnico necessário para dar todo o suporte e clareza que o contratante precisa ter. 
Na Wiser Tecnologia, trabalhamos com a certeza de que você saberá de todas as etapas do processo. Desde a decisão de implantação até a finalização, sempre aliando às técnicas de segurança da informação, com objetivo de disponibilizar criptografia ponta a ponta, menos tempo e mais facilidade para a recuperação de arquivos em caso de desastres e muitas outras possibilidades.  
Manter os dados protegidos é um dever de toda a organização, mas a missão de proporcionar essa segurança e facilitar isso pode ser nossa. Se é segurança de dados organizacionais que você quer, clique aqui e fale agora com a gente. Nós vamos te apresentar a maneira mais fácil de implementar isso no seu negócio. 
Por: Bruna Ramos VER MAIS
Saiba por que você deve automatizar os processos na sua empresa
Otimizar tempo, acelerar atividades, diminuir tarefas repetitivas, reduzir custos, aumentar a produtividade, facilitar o acesso às informações da organização, auxiliar na tomada de decisão e aumentar a competitividade perante a concorrência são uns dos benefícios de automatizar os processos da sua empresa.

A automatização de processos é uma técnica de Business Process Management (BPM) ou Gestão de processos empresariais. É por meio dela que as empresas conseguem usar a tecnologia para integrar sistemas e dados a fim de melhorar o andamento das operações. Você já implementou essa tecnologia no seu negócio?
Essa gestão e controle de processos não é uma substituição da atividade humana, mas um recurso adicional que busca trazer melhoria e facilidade para os processos, e vem sendo muito utilizada pelas empresas. A partir da automatização, a equipe de profissionais ganha mais tempo para elaborar outras atividades que exigem estratégias mais assertivas para alcançar os resultados idealizados pela organização.
Isso se dá graças a Inteligência Artificial (IA) que junto ao Machine Learning desenvolve softwares semelhantes a mente humana. Plataformas inteligentes oferecem a automatização de processos para aumentar a produtividade e melhorar as atividades das empresas.

Como automatizar os processos da sua empresa?
Comece buscando entender as necessidades do seu negócio. Busque analisar quais processos podem se tornar automáticos e quais são as maiores necessidades que as atividades da sua empresa apresentam.
Faça um mapeamento de processos e entenda o fluxo de trabalho, buscando identificar os pontos fortes e fracos das atividades. Analise os documentos, identifique atividades duplicadas ou tarefas que não possuem a necessidade de ser manuais.
Além de buscar melhorar processos internos, lembre-se também de melhorar os processos externos, concentrando-se no cliente. A melhoria das atividades deve estar voltada para agregar valor ao seu produto ou serviço. Busque concentrar-se no cliente e ofertá-lo ótimas experiências com sua empresa.
É fundamental, também, buscar empresas que oferecem bons softwares para a automatização de processos, para ter sucesso nas mudanças. A automação deve obter as funcionalidades corretas para cumprir o papel de aprimorar as atividades corporativas.

Resultados da automatização
Além de otimizar o tempo, aumentar a produtividade da equipe e proporcionar que a empresa oferte serviços de qualidade, a automatização também pode

      1. Ajudar a reduzir erros e refações de atividades
      2. Diminuir desperdício e consequentemente, reduzir custos
      3. Desenvolver uma base de dados mais ágil e segura
      4. Favorecer a transparência corporativa
      5. Padronizar e rastrear processos
      6. Promover uma comunicação mais segura e assertiva
      7. Possibilitar o uso de diferentes sistemas e de plataformas
Ainda tem dúvidas de como implementar a automatização de processos na sua empresa? Temos profissionais especializados disponíveis pra te atender. Converse com nossos especialistas e tire suas dúvidas!
Por: Bruna Ramos VER MAIS
Vantagens do Cloud Computing para as empresas
O Cloud Computing transformou a maneira de como as pessoas usam a tecnologia. Conhecido também como computação em nuvem, ele permite o acesso remoto a softwares, arquivos ou informações a qualquer hora, lugar e em qualquer dispositivo.

Nós já falamos aqui: Investimento em tecnologia nunca é em vão! Pequenas empresas que não possuem tanto suporte ou necessidade de um grande setor de tecnologia, precisam se atentar para evitar falhas ou a perda de arquivos sigilosos e ainda reduzir custos. 
Imagine aí: Algum dispositivo da sua empresa, que guarda dados necessários, é danificado por hackers ou por problemas externos, como curto circuitos e você não consegue mais acessá-lo. E aí? O que fazer para encontrar as informações perdidas? Se você não tiver nenhuma ferramenta de armazenamento para recuperar os dados perdidos, sinto muito… é game over! 
É por isso que você precisa de uma computação em nuvem. Por meio de um servidor remoto, você consegue acessar todos os dados corporativos de forma fácil e ágil. Ele é dividido em três modelos:
  • Nuvem privada
Aqui, a empresa vai possuir a infraestrutura da nuvem em seu domínio interno e manterá o acesso aos dados exclusivo a usuários selecionados.
  • Nuvem pública
Nesse tipo, o cliente é responsável por aquilo que será enviado para a nuvem, enquanto o provedor estará preocupado apenas com a manutenção, segurança e gerenciamento dos recursos.
  • Nuvem híbrida
Esse modelo diz respeito à junção da nuvem privada + nuvem pública. É um dos que apresentam mais flexibilidade e vem se tornando uma grande tendência nas empresas.

 Por que eu devo ter Cloud Computing na minha empresa? 
Bom, se você quer que seu negócio cresça e quer uma redução de prejuízos, o ideal é investir em serviços de qualidade e de aumento na produtividade. Pra te ajudar a entender melhor, listamos os principais benefícios da computação em nuvem. Anota tudo aí! 

  1. Economia com infraestrutura 
Começando com o melhor de todos: reduzir custos! Como? Pois bem! Com o Cloud Computing, a empresa não vai precisar fazer investimentos mais altos com hardwares, softwares ou instalações. Você só paga pela quantidade de armazenamento que vai utilizar sem precisar se preocupar com manutenção de equipamentos desatualizados, por exemplo. 
  1. Aumento da segurança
Em terra de Cloud Computing, não tem espaço pra vulnerabilidade! Soluções em nuvem possuem monitoramento constante por pessoas especializadas que trabalham para adotar as melhores ações de proteção disponíveis no mercado.
  1. Acessibilidade 
Arquivos em nuvem estão disponíveis em qualquer lugar e em qualquer hora do dia. A proposta é facilitar o encontro de arquivos importantes fora do ambiente corporativo, preparando você para possíveis eventualidades que possam vir a acontecer. Ah! Somente pessoas autorizadas podem ter acesso a esses dados, então, sem preocupações! 
  1. Flexibilidade
Percebeu que sua empresa precisa de mais ou de menos armazenamento? Você pode aumentar ou diminuir a quantidade. Esse serviço é flexível e você pode personalizá-lo de acordo com o porte da sua empresa e de acordo com a necessidade dela.
  1. Restauração de dados
Com a computação em nuvem, tudo fica mais fácil, até a recuperação de arquivos. Você pode fazer cópias de segurança, mais facilmente e usá-las quando quiser. E se caso, o servidor apresente problemas, os acessos aos seus arquivos vão ser, rapidamente, direcionados para outro servidor, para não atrapalhar os processos da sua empresa. 
            Facilite a sua vida e a vida da sua equipe. Invista em Cloud Computing! Apesar de econômico, você vai preservar toda e qualquer tipo de informação ou arquivos que sua empresa necessitar. É facilidade e proteção por um serviço de qualidade e com um preço em conta. Fale com um de nossos profissionais e saiba mais! 
Por: Jony do Vale VER MAIS
5 dicas de segurança para o seu home office
O home office já era uma realidade antes mesmo da necessidade de intensificação do isolamento social. A pandemia da covid-19 só impulsionou, ainda mais, a adoção desse modelo de trabalho mais “particular” e caseiro. 
Com o aumento do home office, algumas empresas deixaram os sistemas computacionais vulneráveis aos ataques de hackers e ao vazamento de dados. De acordo com Claudio Bannwart, diretor regional da Check Point, uma empresa israelense de cibersegurança, mesmo se o funcionário levar o computador da empresa para casa, podem haver brechas na segurança da rede a qual ele está conectado.

Mas, como os profissionais conseguem manter a segurança da informação ativada durante o home office?
Apesar de estarmos em um momento que pede urgência no isolamento, há sim formas de evitar que os sistemas sejam invadidos e as informações corporativas sejam roubadas. 
1. Mantenha os softwares atualizados sempre!
Aplicativos atualizados não deixam espaços para as ameaças cibernéticas. Deixar a atualização automática do sistema ativada é uma ótima forma de se proteger contra vírus ou malwares.
O antivírus instalado no computador também precisa estar com a atualização em dia, já que é por meio dele que ocorre a principal barreira de defesa contra as ameaças. 
2. Use as VPNs
Com o uso de VPNs (Virtual private network - Rede privada virtual), os colaboradores conseguem acessar o ambiente empresarial de casa e de forma segura. Essa possibilidade já garante que dados e informações não sejam acessados por pessoas não autorizadas.
Além disso, com a utilização dessas redes privadas evita-se o compartilhamento de arquivos importantes por e-mails ou outros aplicativos de mensagens.
3. Cuidado redobrado com spam e phishing
Proteja seus e-mails e tenha atenção ao receber mensagens incomuns de amigos ou colegas de trabalho. Os criminosos estão sempre criando novas formas discretas para atacar e roubar os seus dados.
Nunca forneça senhas, arquivos importantes ou outras informações para e-mails suspeitos. Em caso de dúvidas, ligue para o remetente para confirmar as informações. Além disso, lembre-se de ativar a autenticação em dois fatores no seu e-mail para aumentar a segurança e impedir o acesso de outras pessoas, que não seja você.
4. Utilize redes de wi-fi confiáveis
Home office seguro não rola com rede de wi-fi desconhecida. As redes de internet são fundamentais para a realização do trabalho, mas pra isso ocorrer sem preocupações é necessário que você esteja conectado em uma rede confiável.
Utilize sempre sua rede própria de wi-fi para evitar que hackers possam acessar seus sistemas ou suas contas de e-mails, por exemplo.
5. Cuidado com programas desconhecidos
O uso de algumas ferramentas disponibilizadas pela empresa, às vezes, pode ser alternativo, ou seja, pode ocorrer o uso simultâneo dos funcionários. Por isso, caso aconteça algum problema em dashboards ou plataformas de mensagens, por exemplo, não tente resolver sozinho. Comunique sempre sua equipe de TI.
Se você efetuar o download de programas que prometem trazer a solução para o problema descrito acima, você pode acabar baixando um software malicioso capaz de roubar os dados da sua empresa e até os seus.
Sabemos que a adesão ao home office será ainda mais forte nos anos seguintes e por isso, as empresas precisam se adequar para garantir a segurança dos sistemas e evitar as ameaças. Para essas soluções, fale conosco! Converse com nossos especialistas e conheça nossos serviços de TI e de cibersegurança.
Acompanhe nosso Instagram e Linkedin e fique por dentro das novidades! 
Por: Jony do Vale VER MAIS
Tudo que você precisa saber sobre o backup em nuvem
Se você ainda vive no passado guardando as informações da sua empresa em mídia física, já passou da hora de abrir os olhos para o backup em nuvem!
 

As empresas lidam com muita informação todos os dias, e essas são de extrema importância para manter a saúde e a funcionalidade do negócio. Por isso, perguntamos, já imaginou perder alguma dessas informações? Esse cenário pode se tornar um verdadeiro caos. Mas antes de respirar aliviado por não ter perdido nada até então, saiba que se você mantiver o mesmo tipo de armazenamento da década passada, está a um passo de colocar suas informações em risco. E você pode evitar esses problemas conhecendo sobre o backup em nuvem.
Dito isso, sabemos que você deve estar com inúmeras dúvidas sobre como armazenar seus dados corporativos em nuvens branquinhas e fofinhas que vemos no céu?! Calma, vamos te explicar tudo que você precisa saber sobre o backup em nuvem.  
O que é Backup em Nuvem?
A princípio precisamos dar uma rápida explicação do que é Backup em nuvem e o porquê de as empresas estarem se tornando tão adeptas a essa tecnologia. 
Sendo assim, vamos a explicação. O Backup em nuvem é um serviço de armazenamento que realiza uma cópia de segurança dos dados ou sistemas da empresa em um servidor externo. Em geral, as empresas optam por fazer esse tipo de armazenamento para evitarem que suas informações se percam devido a falhas nos sistemas, desastres naturais ou mesmo por ataques de malwares ou similares.
Diferente do armazenamento físico tão conhecido, o backup em nuvem consegue manter seus dados seguros mesmo que haja algum tipo de falha que comprometa a integridade dos seus arquivos, por isso, muitas empresas estão optando por esse serviço.
Em geral, as falhas que costumam acontecer no Backup Tradicional são:
Falhas de Hardware
A princípio, entenda que qualquer máquina que você usa no seu dia a dia podem parar de funcionar de uma hora para outra, isso é fato. Portanto, é uma questão de tempo você perder seus dados que estão em máquinas. Essa é uma falha bem comum, que muitas empresas passam.
Ataques Virtuais
Hoje vivemos uma onda de ciber ataques, inúmeras empresas já tiveram seus dados, ou de clientes, expostos. Em geral, os malwares, o tipo mais comum de vírus, se espalham pela internet e comprometem as máquinas ou o sistema do seu site, o que coloca em risco todo o seu trabalho. Sendo assim, deixar seus dados em algum meio físico pode ser um risco à saúde do seu negócio.
Erros de Gerenciamento
Gerenciar os recursos de uma empresa é um processo um tanto trabalhoso. E nesse ínterim, é possível que um usuário, inexperiente, cometa alguns erros, deletando arquivos e alterando o que não foi planejado. Ou, mesmo, mexer em configurações que possam corromper dados e o serviço de hospedagem do seu site.        
Esses erros costumam vir acompanhados por perdas milionárias. Sendo assim, é importante conhecer uma opção de armazenamento que, além de facilitar as atividades na sua empresa, possa contribuir com o crescimento dela. Agora, vamos apresentar algumas vantagens para o Backup em Nuvem e, assim, te mostrar como esse serviço é uma solução ideal para sua empresa.
As principais vantagens do Backup em Nuvem
Conversamos com nossa equipe de profissionais, selecionamos as principais vantagens você que deseja conhecer tudo que sobre o backup em nuvem.
Sua informação mais segura
Como já mencionamos, armazenar um dado estratégico da sua empresa em um servidor físico pode colocar em risco a inteligência da sua empresa. Isso se deve ao fato de sua empresa ficar mais suscetível a acidentes ou desastres. E caso o seu servidor se danifique de alguma forma, os seus dados também se perdem. Mas quando você faz o backup na nuvem as informações ficam armazenadas em servidores virtuais e descentralizados. E caso haja algum tipo de falha os seus dados ficam preservados.
Acesse de qualquer lugar
Acessar seus arquivos em qualquer lugar pode sim ser considerado uma das melhores vantagens do Backup em Nuvem. E para que isso seja possível, basta computadores e dispositivos com acesso à internet.
Ao conquistar essa facilidade, lembre-se de tomar muito cuidado com seu login e senha, para que outras pessoas não consigam acessar a ferramenta.
Seja Automático
Talvez você não saiba, mas é possível programar os backups para que sejam feitos em horários alternativos, sendo assim evitando interromper o trabalho do seu time ao realizar o armazenamento de dados.
Outra vantagem é poder fazer backups diários e, assim, melhorar a performance da empresa no armazenamento de dados e reduzir qualquer chance de perda de informações que fiquem à espera para serem registradas e guardadas.
Baixo custo
Para que você possa entender o quão vantajoso é realizar um backup em nuvem, colocamos na ponta do lápis tudo que sua empresa precisa adquirir para ter um servidor local? Vamos para a listinha:
  1. Local refrigerado e protegido;
  2. Equipe de manutenção;
  3. Realizar troca periódica de tecnologias;
  4. Verificar as peças obsoletas e substituí-las;
  5. Entre outras coisas...
Porém, toda essa listinha não garante que seus dados estarão armazenados de forma eficaz, pois muitas vezes, pode ocorrer a perda de informações por um erro humano.
Aqui você não precisa se preocupar com estas atividades. Depois de configurar o backup em nuvem, basicamente a preocupação é apenas uma: a mensalidade para o fornecedor da solução utilizada. E esse valor será ajustado de acordo com a necessidade da empresa de utilização. E se sua base de dados está atingindo o limite, basta contratar um espaço a mais e continuar realizando os seus backups com toda a segurança. Num backup tradicional, por exemplo, fazer esta expansão poderia exigir mais aquisições de equipamentos e, consequentemente, manutenções periódicas.
Conclusão
Entender tudo que você precisa saber sobre o backup em nuvem vai te proporcionar mais conhecimento para colocar a o tipo de armazenamento ideal na sua empresa. Não espere perder suas informações para realizar o backup em nuvem, adote esta solução o quanto antes!
Por: Jony do Vale VER MAIS
WhatsApp Wiser Telegram Wiser