Plano de continuidade de negócios em TI: Como criar e quais são os benefícios

Por: Jony do Vale

Existem processos que não podem parar, mas também existem acontecimentos impossíveis de prever. Reflita sobre a seguinte situação:

Gestores decidem que a melhor opção para arquivar dados é em servidores físicos, que estão dentro de uma sala específica dessa empresa. Mas infelizmente, um desabamento acontece e faz com que toda a estrutura física caia, danificando os servidores.

Pode parecer algo inalcançável? Sim. Mas é capaz de acontecer. Sendo menos radical, também poderia citar eventos climáticos severos, longas interrupções de energia, dentre outras emergências.

Toda empresa deve pensar nessas possibilidades e pensar nas formas de prevenção. A solução preventiva para esses casos, seria montar um plano de continuidade de negócios em TI.

O plano atua como uma resposta rápida aos riscos e impactos que podem acometer os processos da empresa, abrangendo estratégias necessárias para a continuidade dos serviços.

Um plano de continuidade de negócios em TI é essencial para garantir que uma organização possa continuar operando sem interrupções significativas em caso de eventos adversos, como desastres naturais, falhas de sistemas, ataques cibernéticos ou outros incidentes que possam afetar a infraestrutura de TI.

Passos básicos para criar um plano de continuidade de negócios em TI eficaz

1- Iniciar o processo de planejamento

Nomeie uma equipe de planejamento de continuidade de negócios em TI, composta por profissionais experientes em TI, segurança da informação e gestão de riscos.

Identifique os principais stakeholders, incluindo a alta administração, para garantir seu envolvimento e apoio ao plano.

2 - Avaliação de riscos e impactos

Identifique ameaças potenciais que possam afetar a infraestrutura de TI, como falhas de energia, incêndios, inundações, ataques cibernéticos, entre outros.

Avalie o impacto potencial dessas ameaças nas operações de TI e nos objetivos de negócios.

3 - Definição de objetivos e requisitos

Estabeleça metas claras para a continuidade de negócios em TI, como tempo de recuperação máximo tolerável (RTO) e ponto de recuperação máximo tolerável (RPO).

Defina requisitos específicos para manter a disponibilidade dos sistemas críticos.

4 - Inventário de ativos de TI

Faça um levantamento completo de todos os ativos de TI, incluindo hardware, software, dados e documentação.

Classifique os ativos com base em sua importância para as operações de negócios.

5 - Desenvolvimento de estratégias de recuperação

Crie planos de recuperação para cada sistema e serviço crítico, especificando as etapas necessárias para restaurar a funcionalidade.

Implemente soluções de backup e redundância para minimizar o tempo de inatividade.

6 - Treinamento e conscientização

Treine a equipe de TI e outros funcionários sobre suas funções durante um incidente de continuidade de negócios.

Crie conscientização sobre a importância da continuidade de negócios em toda a organização.

7 - Teste e revisão

Realize testes regulares de recuperação de desastres para garantir que os planos sejam eficazes.

Revise o plano periodicamente para incorporar lições aprendidas e mudanças na infraestrutura de TI.

8 - Comunicação e coordenação

Estabeleça procedimentos claros de comunicação e coordenação durante um incidente.

Mantenha contato com fornecedores, parceiros e clientes para manter a transparência e minimizar impactos.

9 - Documentação e revisão

Mantenha documentação detalhada de todos os aspectos do plano de continuidade de negócios em TI.

Revise e atualize o plano regularmente para garantir que ele permaneça relevante e eficaz.

10- Implementação e monitoramento contínuo

Implemente o plano de continuidade de negócios em TI e monitore constantemente a infraestrutura e os sistemas para detectar qualquer anomalia.

 

Benefícios de um plano de continuidade de negócios em TI

Como já foi dito anteriormente, um plano de continuidade de negócios em TI é um processo contínuo que requer compromisso e envolvimento de toda a organização.

Ter um plano eficaz pode ajudar a minimizar o tempo de inatividade, proteger dados críticos, minimizar perdas financeiras e garantir a resiliência das operações de negócios em face de desafios inesperados.

Esse plano permite uma recuperação mais ágil e eficiente, mantendo a confiança dos clientes, parceiros e stakeholders. Garante, ainda, a agilidade nos processos de TI e aumenta a sobrevivência do negócio.

Também é fundamental para a manutenção e proteção das operações empresariais diante de crises e interrupções.

A TI é o alicerce de grande parte das atividades modernas, tornando essencial prever e mitigar possíveis eventos que possam afetar sistemas críticos.

A capacidade de garantir a operação contínua, juntamente com a segurança dos ativos digitais, é crucial para a sustentabilidade e a resiliência de uma organização no cenário competitivo e instável dos dias atuais.

Tenha um parceiro tecnológico completo com profissionais qualificados para auxiliar a sua empresa a montar um plano de continuidade de negócios e manter a eficiência de todos os seus processos. Para saber mais sobre isso, clique aqui e fale conosco pelo WhatsApp.

 

 

Categoria: TI,

Tags relacionadas: tecnologia, soluções,

WhatsApp Wiser Telegram Wiser